“TAXI”, DE JAFAR PANAHI, É O GRANDE VENCEDOR DO FESTIVAL DE BERLIM

Part-DV-DV1964851-1-1-1Mesmo proibido pelo governo do Irã de filmar no país por vinte anos, sua terceira produção desde o banimento levou o Urso de Ouro de melhor filme no 65o. Festival de Berlim.

Em “Taxi“, o diretor se filma dirigindo por Teerã, capturando as reações de vários passageiros, entre eles alguns parentes seus. Sua sobrinha, Hana Saeidi, recebeu o prêmio em nome do tio. Muito emocionada, não conseguiu dizer muito.

Lamentavelmente o prêmio foi mais político do que artístico, e com Darren Aronofsky presidindo o júri do festival, esperava-se um resultado melhor.

O Urso de Prata do Grande Prêmio do Júri foi para o chileno Pablo Larraín, por “El Club“. Larraín é mais conhecido pelo filme “No“, indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro em 2012.

O prêmios de atuação foram para Charlotte Rampling e Tom Courtney, ambos por “45 Years“.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s